Bruno Dulcetti



Arquivos:

Categorias:

  • Amizade:

  • Artigos

  • Links:

    O meu, o seu, o nosso espaço!

    » Desenvolvedor de Interação. Conhece?

    E ae pessoal, tudo tranquilo? Por aqui está tudo bem também, graças a Deus.

    Meu post hoje é pra falar sobre um cargo, digamos assim, que acho que se encaixa no meu atual perfil profissional. E achei legal compartilhar aqui, para quem sabe alguém que também se encaixe neste perfil, para mandarem opiniões, o que acham…

    Primeira Parte – “Desenvolvedor”

    Isso, desenvolvedor. Podemos ver uma breve explicação do que seria isso no wikipedia. Como lá diz, existem várias “subcategorias”, eu chamaria assim da “categoria” Desenvolvedor. Para nós que trabalhamos com internet, etc, o Desenvolvedor Web seria o nome ideal certo? Talvez. O Desenvolvedor Web é mais para aqueles que desenvolvem em uma linguagem de programação, como PHP, ASP, JAVA, entre outras linguagens existentes.

    Então você deixou de ser Webdesigner

    Não sejamos tão radicais a esse ponto. Ainda trabalho com criação, etc. Mas hoje eu tenho muito mais contato com a parte de desenvolvimento, estruturação html, css, que minha criação perdeu um pouco de força digamos assim.

    Hoje eu desenvolvo sites webstandards, sistemas em PHP (nada muito avançado), mas crio layouts no Photoshop, sites em flash, entre outras coisas.

    O que você quer dizer com isso tudo hein Bruno?

    Calma, calma… Estou chegando lá. O que realmente me fez pensar nesta nomeação no cargo, foi a maneira como estou trabalhando, o modo específico.

    Vou citar o Flash, por exemplo. Antigamente eu criava layouts no Photoshop e no Flash, o que seria em vetor, textos, criava no Flash e a parte Bitmap deixava com o Photoshop. Mas agora as coisas estão mudando, principalmente na empresa que trabalho à noite, a Produzindo, onde o Ariel cuida do Design dos trabalhos e eu fico encarregado de “montar”, tanto no flash, quanto no HTML. Seria isso o breve resumo.

    Hmmm… Legal e o Interação?

    É exatamente neste ponto que eu estava querendo chegar, o porquê da utilização do “Interação” no cargo. Neste ponto, entendo interação, como a forma como chega ao usuário, como ele visualiza a informação, conteúdo do site, cd-rom e afins. O designer cria o layout e o browser mostra, mas tem o Desenvolvedor de Interação, que aplica isso, que desenvolve, pois sem esse desenvolvimento da interação com o usuário, ele não verá o site, animação e afins, corretamente.

    Por exemplo, no Flash temos o designer que cria a interface que será mostrada num CD-ROM. O Desenvolvedor de Interação será o responsável em criar MONTAR (montar a estrutura e não criá-la) essa interação, a interface no Flash, posicionar tudo, colocar as respectivas ações para cada elemento que esteja na interface que será mostrada ao usuário.

    Mas não seria um programador que faria isso Bruno?

    Não necessariamente. Um programador pode criar todas as ações, classes, funções, etc. O Desenvolvedor de Interação seria o responsável por posicionar cada action no objeto ou (muitos programadores fazem isso, de colocar ações nos objetos, o que é errado, mas quis referenciar, pois muitos fazem desta maneria) frame referente.

    Isso, logicamente, funciona bem com uma empresa que tem tudo divido, muitas empresas fazem isso com um profissional só, o que chega a ser errado, pois pode sobrecarregá-lo.

    Legal! E como seria em sites?

    Seria praticamente a mesma coisa, mas com tecnologias diferentes. Você pega o layout feito no Photoshop (ou Fireworks ou qualquer programa) e fatie-o. Eu odeio as ferramentas de slice desses programas, não exporto como html, pois os deixa muito sujo, eu prefiro criá-los na mão mesmo, porque tenho mais controle de tudo.

    Monto o html com o doctype q for necessário, o que eu quiser, depois vou estruturando o código juntamente ao css, sempre testando no máximo de browser que eu puder. Vou colocando os links corretos para cada item que possuir um link, colocar imagem onde tem q ser colocado e tudo aquilo que nós, desenvolvedores webstandards, conhecemos.

    E se eu tiver no site uma linguagem dinâmica?

    Seria a mesma coisa que falei no exemplo de Flash. Teríamos um Desenvolvedor PHP que faria toda a programação e faria todos os SELECT necessários para visualização na página. O meu trabalho seria posicionar cada SELECT no lugar correto, fazer a interação BD->Site.

    Concluindo…

    Seria necessariamente essa a função do Desenvolvedor de Interação, criar a integração/comunicação design+programação até o cliente.

    Seria bom ter uma equipe com os dois desenvolvedores, um de interação e outro web, e um webdesigner, para não sobrecarregar ninguém e ter trabalhos mais balanceados. Logicamente, com todos sendo bons profissionais, dispostos e conhecedores plenos de cada técnica a ser implementada.

    Bom, espero que tenha sido útil essa minha opinião, gostaria de sugestões sobre o nome, sobre os cargos, sobre tudo falado aqui, se agradou ou não, etc…

    Aquele abraço a todos…

    [ 17/maio/2006 às 15:21hrs ] [ Por Bruno Dulcetti ] Comentários 3 Comentários |

    Categorias: Pessoais,Tecnologia

    3 Comentários no Post "Desenvolvedor de Interação. Conhece?"

    Postar no Rec 6

    1. Loco!

    2. Oi Bruno! muito legal essa matéria.. Pude entender melhor como funciona o o universo do desenvolvedor web.

      Pretendo iniciar nessa área.. gosto de tudo principalmente da parte de desenvolvimento de Interação!! Porque afinal, não basta uma página bonita sem interatividade e outra com interatividade e sem atratividade!!

      Abraços!

    3. Nice!

    Tá esperando o quê? Comenta logo.

    
    Copyright © 2005 Bruno Dulcetti | Creative Commons
    Bruno Dulcetti atuante na área de desenvolvimento web / webdesign e colaborador na área de webstandards pelo Blog BrunoDulcetti.com - blog. Atuante na área desde 2000. Atuando na cidade de Niterói/RJ - Brasil. E-mail: bruno@brunodulcetti.com